A vigília da Juventude no carnaval

Quem foi que disse que o carnaval acontece apenas nas avenidas, clubes e bairros tradicionais dos grandes centros urbanos? Este ano a juventude da Diocese de Campo Limpo mostrou que também é possível aproveitar a maior festa popular do Brasil com muita oração, pregação, música e adoração ao Santíssimo Sacramento.

Foi assim que mais de três mil jovens passaram a madrugada do dia 28 de fevereiro na Catedral Santuário Sagrada Família participando da IV Vigília Celebra Juventude, organizada pelo Setor Juventude da Diocese de Campo Limpo.

O evento teve início às 22h da segunda-feira de carnaval (27/02) com o Padre Rodolfo Camarotta, Assessor Diocesano da Juventude, dando as boas vindas aos jovens. “Todo cristão batizado deve levar pelo mundo a chama do amor do Senhor e é por isso que estamos aqui, agradecendo pelo que somos pelo que temos pela Igreja que nos educa e nos conduz pelos Seus passos”.

Um dos momentos marcantes foi a entrada da imagem de Nossa Senhora Aparecida que foi colocada em um local de destaque no presbitério onde passou toda a vigília.

Dom Luiz Antônio Guedes, Bispo Diocesano de Campo Limpo, participou da abertura do encontro e fez uma meditação sobre a importância do tempo da Quaresma. “Vamos nos preparar para aprofundar cada vez mais a vivência do nosso batismo cujas promessas iremos renovar na vigília pascal do Sábado Santo, no dia da Ressurreição de Jesus. Somos todos irmãos e irmãs entre nós e que Jesus atraiu e o Espírito Santo congregou em comunhão, não apenas para recebermos o amor de Deus, mas também nos tornarmos portadores desse mesmo amor a todos àqueles que encontrarmos no caminho da vida”.

Dom Luiz também lembrou o falecimento do coordenador diocesano da Catequese, Wagner Guisi Rodrigues Corrêa, ocorrido na madrugada do dia 27 vítima de falência múltipla dos órgãos. “Nós queremos colocar nas mãos de Deus e é importante valorizarmos aqueles que exercem um serviço em favor do povo do Senhor”.

A vigília contou com a participação especial de Ziza Fernandes que falou sobre a importância da amizade. “Quando você quiser algo muito importante para a sua vida e for muito difícil de conquistar, faça um amigo feliz e ajude-o a conquistar o que ele acha que não consegue sozinho e você vai se surpreender porque tudo o que você planta nessa vida, você colhe”.

O primeiro pregador da noite foi Julio Neto da Comunidade Aliança de Misericórdia. A temática foi sobre como Deus nos usa para sermos discípulos e missionários da sua Palavra. “Para sermos verdadeiros profetas precisamos sair do comodismo e pedir uma experiência verdadeira com a pessoa do Espírito Santo e isso ninguém pode fazer por você, somente você!” Depois comentou a participação dos jovens na vigília dizendo ter ficado surpreso com a quantidade de pessoas que optaram por estar na Catedral numa noite de carnaval. “São jovens sedentos do amor de Deus, sedentos da força do Espírito Santo e Deus usou da nossa fraqueza para manifestar o Seu poder e estou feliz em ver que os jovens fizeram uma experiência em decidir sobre o que Deus quer para suas vidas”.

Para os jovens, participar da Vigília Celebra Juventude tem um significado especial. A jovem Rafaela da Comunidade Maria Mãe da Igreja pertencente à Paróquia São Pedro Apóstolo diz que a experiência é única. “Em algum momento da vigília Deus vai tocar você e isso é muito especial”.

Já a jovem Carolina diz que o Celebra Juventude é um momento de “estar mais perto de Deus e por ser a primeira vez que participo, está sendo maravilhoso porque tenho a oportunidade de conhecer novas pessoas e as pregações são muito boas”.

O segundo pregador da noite foi o Padre Rodolfo Marinho falou sobre o chamado de Deus para cada um de nós. “Deus insiste em falar conosco, Ele nos chama todo dia, Ele nos chama a toda hora porque Ele espera de nós uma resposta, uma atitude, uma entrega, fidelidade, alegria”.

A última pregação foi ministrada por Alberto Carneiro da Paróquia Nossa Senhora Aparecida e São Lourenço de São Lourenço da Serra.

Outro momento importante do encontro foi a Adoração ao Santíssimo Sacramento que antecedeu a celebração da Santa Missa que encerrou a vigília.

Padre Rodolfo Camarotta fez um balanço positivo desta edição do Celebra Juventude. Segundo ele “as vigílias tem sido um grande momento de evangelização e nós acreditamos que este tem sido o momento de que Deus tem falado com os jovens, com as famílias porque essa já não é mais uma vigília para a juventude, é uma vigília para todos os cristãos porque temos visto pessoas de diversas idades que tem participado deste encontro”.

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!