Caridade do Papa: solidariedade sem confins do Óbolo de São Pedro

Cidade do Vaticano (RV) -

"Solidariedade sem confins e ministério petrino." Essas são as palavras-chave para compreender a validez e a mensagem do Óbolo de São Pedro, a coleta que se realiza no mundo inteiro, na maioria das vezes no 29 de junho ou no domingo mais próximo da Solenidade dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo.
É o que ressalta o diretor do Setor Óbolo de São Pedro, Mons. Tulio Poli, na vigília desta iniciativa anual, conhecida como Dia da caridade do Papa.
"Solidariedade sem confins – explica Mons. Poli – porque esta iniciativa tem a dimensão universal da Igreja: as ofertas para o Óbolo de São Pedro alcançam toda a terra. Ministério petrino porque se trata de apoiar o Papa em sua atividade em favor das situações mais variadas de pobreza e necessidades morais e materiais na Igreja e no mundo."
O Óbolo de São Pedro, diferentemente de "outras formas de solidariedade", observa Mons. Poli, "tem este particular: estar à inteira disposição do Santo Padre, que a ele recorre para o exercício de seu alto ministério apostólico e caritativo no mundo inteiro".
Mons. Poli cita alguns exemplos entre as muitas iniciativas de auxílio realizadas em 2012 com o Óbolo:
"Em Angola auxiliou o retorno dos refugiados angolanos provenientes da Zâmbia e da República Democrática do Congo; em Bangladesh ajudou a milhares de famílias de várias dioceses que perderam todos os seus bens com as inundações; na República Democrática do Congo deu uma importante contribuição para a construção de uma escola destinada à educação de jovens pertencentes às classes sociais menos favorecidas na Diocese de Lwiza".
E ainda: "Na Etiópia e no Quênia foram disponibilizados fundos em várias circunscrições eclesiásticas em favor da população diante da emergência humanitária no Chifre da África". "No Iraque uma igreja pôde adquirir um gerador elétrico."
O que impressiona, ressalta o diretor, "é a concretude de tais ajudas, que são feitas segundo pedidos precisos por parte de instâncias in loco e que são adequadamente monitoras nas fases de realização e conclusão".
Daí, o apelo em prol da coleta 2013: "Faço votos de que nasça do amor pela Igreja e que seja precedida e acompanhada pela oração em favor do Papa e por sua obra, como, efetivamente, ele mesmo pede às pessoas que encontra". (RL)

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!