CNBB lança declaração sobre o momento atual do Brasil

Durante a coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (14/04/2016) no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida, em Aparecida (SP), a presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou uma declaração sobre o atual monento político e economico pelo qual o país está vivendo.

Reunidos em assembleia, os bispos de todas as dioceses do Brasil discutiram e aprovaram o documento que apresenta a posição oficial da entidade diante da tensa situação pela qual os brasileiros estão acompanhando. Em um trecho do documento, assinado por Dom Sérgio da Rocha, Arcebispo de Brasília e Presidente da CNBB, Dom Murilo Sebastião Krieger, Arcebispo de São Salvador da Bahia, Primaz do Brasil e Vice-Presidente da CNBB e Dom Leonardo Ulrich Steiner, Bispo Auxiliar de Brasília e Secretário Geral da CNBB, os bispos afirmam que a entidade "frente à profunda crise ética, política, econômica e institucional pela qual passa o país, trazemos, em nossas reflexões, orações e preocupações de pastores, todo o povo brasileiro, pois, as alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos homens e mulheres de hoje, sobretudo dos pobres e de todos aqueles que sofrem, são também as alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos discípulos de Cristo" (Gaudium et Spes, 1).

O documento cita também as lutas pelas quais os brasileiros enfrentaram desde o tempo do fim do período militar afirmando que "desde então, o país vive um dos mais longos e democráticos da sua história republicana, no qual muitos acontecimentos ajudaram no fortalecimento da democracia brasileira".

Sobre a questão do processo de impeachment da presidente Dilma Roussef os bispos afirmam que "estão acompanhando atentamente este processo e espera o correto procedimento das instâncias competentes, respeitando o ordenamento jurídico do Estado democrático de direito".

A declaração cita ainda as manifestações pró e contra o processo de impeachment orientando os brasileiros a "preservar os altos valores da convivência democrática, do respeito ao próximo, da tolerância e do sadio pluralismo, promovendo o debate político com serenidade e as manifestações populares pacificas contribuem para o fortalecimento da democracia".

Clique aqui para ler a declaração completa.

Crédito das imagens: 

Paulo Vitor Ubaldino - Arquidiocese do Rio de Janeiro

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!