Dom Luiz preside missa de abertura do centenário de morte da Santa Madre Cabrini

O Instituto Missionário do Sagrado Coração de Jesus deu início nesta quinta-feira (22/12/2016) as celebrações do Ano Cabriniano que lembra o centenário da morte da Santa Madre Cabrini. A Santa Missa de abertura foi presidida pelo Bispo Diocesano de Campo Limpo, Dom Luiz Antônio Guedes.

A Eucaristia aconteceu no Santuário Madre Cabrini, localizado no bairro da Vila Mariana e contou com a presença das Irmãs Missionárias do Sagrado Coração, professoras e diretores do Colégio Madre Cabrini, além de devotos fiéis e benfeitores do Santuário.

A procissão de entrada foi marcada pela passagem da imagem de Madre Cabrini sobre um barco, representando o seu trabalho missionário em vários países e foi seguida pelas bandeiras do Brasil, da Congregação e do Vaticano.

Durante a homilia, Dom Luiz ressaltou a dedicação que Madre Cabrini dispensou ao Santo Evangelho. “Ela soube unir duas coisas importantes: a intimidade do seu relacionamento com Deus e uma vida em favor dos irmãos e irmãs. A Madre Cabrini soube usar a sua devoção a Cristo Jesus e o ardor missionário”.

Dom Luiz disse ainda que é necessário olharmos para Madre Cabrini neste centenário e pedir que possamos seguir os seus passos. “Que ela nos ajude a estarmos atentos para Jesus e fazermos dele a razão da nossa vida”

A Superiora Geral das Missionárias do Sagrado Coração, Irmã Barbara Staley falou que este é um momento especial para a congregação. “Estamos muito felizes por fazer parte deste ano tão importante para a história da Santa Igreja e de modo especial, da nossa Congregação”.

Dom Luiz deu a benção final com a relíquia de Santa Madre Cabrini.

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!