Mais de 1 milhão de pessoas participam da Missa de abertura da JMJ no Rio

Ao iniciar a Missa de abertura da 28ª Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, o Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, (O. Cist.) acolheu as autoridades e todos os presentes a orla de Copacabana e fez um convite especial para que cada um participasse desse belo e importante momento da história para o Brasil e para o mundo. Este, segundo ele, “é tempo de estar com o Senhor Jesus Cristo para viver como seu discípulo”.

Em sua homilia o Arcebispo falou da grande alegria de poder acolher todos, disse que a “cidade maravilhosa tornou-se ainda mais bela com a presença de cada um, pois fazem parte desta família que é a Igreja particular no Rio de Janeiro”.

O prelado recordou ainda o grande compromisso e a responsabilidade que a Arquidiocese do Rio de Janeiro assumiu a partir do instante em que o Papa Bento XVI anunciou em agosto de 2011, a capital fluminense como sede da próxima 28ª edição da JMJ e manifestou sua gratidão, tanto pela escolha como pelas orientações dadas pelo pontífice emérito.

Segundo ele, “nesta semana o Rio se torna o centro da Igreja viva e jovem”. Fazendo uma alusão à participação dos milhares de jovens que, de toda parte do mundo, se fazem presentes na JMJ. “O entusiasmo juvenil deve tomar conta de todos e deve mostrar o rosto do jovem cristão que busca viver a fé em Cristo e o testemunho do seu Evangelho”, disse.


“Se no passado Jesus chamou os discípulos, hoje Ele nos chama e nossa resposta é para ser uma só: Eis-nos aqui, Senhor, envia-nos! se Crist

o faz o convite, que cada um que nesta semana está aos pés do Senhor para ouvi-lo, possa também como missionário”, lembrou o prelado.

Ao finalizar a homília, Dom Orani disse que o Papa Francisco deve “peregrinar por este Rio, semeando fraternidade por onde passar, ser arauto da paz e da concórdia, conclamando o mundo a viver a santidade que brota do Redentor do homem”.

O presidente do Pontifício Conselho para os Leigos, Cardeal Stanislaw Rylko disse que “nos próximos dias, o Rio de Janeiro será a capital da juventude católica proveniente dos mais recônditos cantos do planeta”.

A Santa Missa de abertura da 28ª Jornada Mundial da Juventude foi concelebrada por vários sacerdotes, bispos, arcebispos e cardeais, entre eles, o Secretário de Estado do Vaticano, Tarcísio Bertone.

 

Reportagem: Adilson Ulprist

 

 

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!