Santa Missa da Noite de Natal

Centenas de fiéis lotaram a Catedral Santuário Sagrada Família, para a tradicional Missa da Noite de Natal (24/12/16). A celebração foi presidida pelo Bispo Diocesano de Campo Limpo, Dom Luiz Antônio Guedes. Veja as fotos da celebração na nossa página do Facebook.

Logo após o Ato Penitencial a imagem do Menino Jesus foi colocada em frente ao altar e incensado por Dom Luiz permaneceu durante toda a celebração.

No início da homilia, Dom Luiz disse que a celebração da Noite de Natal fala alto aquilo que é o próprio texto da liturgia. “Falam alto para nós as leituras, os cantos, a vibração presente porque aquilo que foi anunciado se realiza; o Filho de Deus que é Deus como o Pai, se torna também filho da humanidade, irmão nosso para realizar a nossa salvação”.

Dom Luiz refletiu sobre o nascimento do Menino Jesus dizendo que ele se estabeleceu como sinal de humildade. “Ele nasceu em último lugar, como está escrito no Santo Evangelho que diz que Ele nasceu numa estrebaria porque não havia lugar para a Sagrada Família de Nazaré na hospedaria e nasceu no meio de animais contado apenas com a presença de Maria e José e essa é uma forma de dizer que Ele nasceu no último lugar sendo uma escolha de Deus, nascendo no lugar social do pobre porque Ele veio para salvar a humanidade inteira e se Ele tivesse nascido em qualquer outro lugar que não fosse o último, um lugar mais alto, socialmente falando, ao subir de volta para o Pai, deixaria gente para trás, mas tendo Ele ido ao último lugar, ao mais ínfimo da condição humana, ao ascender ao Pai levou desde o último até os primeiros”.

Em outro momento da homília, Dom Luiz ressaltou as mudanças que estão acontecendo em todo o mundo dizendo que é necessário um processo de conversão de cada cristão. “Poderão me dizer que ainda há tanta guerra, tanta desigualdade, tanto sofrimento e isso é verdade, mas no Novo Testamento está afirmado que crescem um ao lado do outro o mistério de Deus e o mistério da iniquidade porque há uma luta contínua entre o bem e o mal, entre a proposta de Deus e a proposta de quem é inimigo de Deus e esses dois conquireinos estão em permanente luta, crescendo um ao lado do outro, mas está assegurado que a vitória será do Reino de Deus e não do reino da iniquidade”.

No momento de Ação de Graças Dom Luiz conduziu a imagem do Menino Jesus até o tradicional presépio montado na Catedral idealizado pelo Pároco, Padre Sandro Ely de Oliveira, trabalho que foi destacado pelo Bispo antes da benção final.

Desejando um Santo e Feliz Natal a todos que participaram da Santa Missa e a seus familiares, Dom Luiz encerrou a celebração com a benção.

O site da Diocese de Campo Limpo está migrando para o endereço
www.dcl.org.br

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!